post

Divulgado o tema do próximo Dia Mundial das Comunicações Sociais

Vaticano \ Eventos

Antenas parabólicas – EPA

29/09/2016 13:41
Cidade do Vaticano (RV) –  Foi divulgado nesta quinta-feira, pelo Vaticano, o tema do próximo Dia Mundial das Comunicações Sociais 2017: “«Não tenhas medo, que Eu estou contigo» (Is 43,5). Comunicar esperança e confiança no nosso tempo”. Trata-se do 51º dia dedicado pela Igreja aos meios de comunicação que será celebrado em 28 de maio próximo.Num comunicado sobre o tema, a Secretaria para a Comunicação observa que “anestesiar a consciência ou deixar-se levar pelo desespero são duas doenças possíveis às quais o sistema de comunicação atual pode levar. É possível que a consciência se cauterize, como recorda o Papa Francisco na Laudato si’, pelo fato de muitas vezes profissionais, comentaristas e meios de comunicação trabalhar em áreas urbanas distantes dos lugares de pobreza e necessidades, vivendo uma distância física que muitas vezes leva a ignorar a complexidade dos problemas de homens e mulheres”.

Confiança e esperança

“É possível o desespero quando a comunicação se torna às vezes estratégia de construção de perigos e medos iminentes. Mas no meio deste murmúrio se houve um sussurro: Não tenhas medo, que Eu estou contigo. Em seu Filho, Deus se solidarizou com toda a situação humana e revelou que não estamos sozinhos, porque temos um Pai que não se esquece dos próprios filhos. Quem vive unido a Cristo, descobre que as trevas e a morte se tornam lugar de comunhão com a luz e a vida. Em todo acontecimento busca descobrir o que acontece entre Deus e a humanidade, para reconhecer como Ele, através do cenário dramático deste mundo, está escrevendo a história de salvação.”

“Nós cristãos temos uma boa notícia para contar, porque contemplamos com confiança o horizonte do Reino. O tema do próximo Dia Mundial das Comunicações Sociais é um convite a contar a história do mundo e as histórias de homens e mulheres, segundo a lógica da Boa Nova que recorda que Deus nunca renuncia a ser Pai, em nenhuma situação e em relação a toda pessoa. Aprendamos a comunicar confiança e esperança na história”, conclui o comunicado da Secretaria para a Comunicação.

Decreto Inter Mirifica

Com a finalidade de levar adiante a atenção-ação nesse importante setor da comunicação, e lembrando o reconhecimento que o decreto Inter Mirifica (do Concílio Vaticano II) externara sobre a importância da comunicação, o Papa Paulo VI, criou, em 1964, através do documento In fructibus multis, a Pontifícia Comissão para as Comunicações Sociais, hoje faz parte da Secretaria para a Comunicação com a finalidade de coordenar e estimular a realização das propostas dos Padres Conciliares.

Assim, em 1966, foi criado o Dia Mundial das Comunicações Sociais, com a aprovação do Sumo Pontífice. E no dia 7 de maio de 1967 celebrou-se pela primeira vez, no mundo inteiro, o dia Mundial das Comunicações Sociais.

O Dia Mundial das Comunicações Sociais será celebrado no domingo que antecede a Solenidade de Pentecostes.

A mensagem do Papa para este dia é publicada na véspera da festa litúrgica de São Francisco de Sales, padroeiro dos jornalistas (24 de janeiro). (SP/MJ)

http://br.radiovaticana.va/

post

Workshop de Comunicação em São Paulo

Olha só onde a Divina Providência está me enviado: de Brasília a São Paulo! \o/

Gabriel Vaz, coordena a Comunicação Shalom em Brasília e é criador do curso Como Evangelizar na WEB ajuda pessoas no país inteiro a evangelização com mais estratégia de frases religiosas por WhatsApp, Facebook, Youtube, Instagram e claro: pessoalmente

Gabriel Vaz, coordena a Comunicação Shalom em Brasília e é criador do curso Como Evangelizar na WEB ajuda pessoas no país inteiro a evangelizar com de frases religiosas por WhatsApp, Facebook, Youtube, Instagram e claro: pessoalmente

Quero saber mais

Esse evento é para você que é Shalomita, PASCOMero, Estudante, Amante ou Profissional de Comunicação da região do Shalom de Perdizes, Guarulhos e toda grande São Paulo (tem até gente do Shalom RIO que virá para o Workshop)

Será nos dias 27 e 28, terça e quarta, no Shalom de Perdizes.

Link do Vídeo CONVITE https://www.youtube.com/watch?v=QZSkVdmEl_U

Quero fazer minha pré-inscrição

Pra quem é esse Treinamento, O que você vai aprender, Perguntas e Respostas, Vídeos sobre Comunicação e Evangelização, Conteúdo pra WhatsApp, Comunidade no Facebook tudo isso e muito mais você encontra em http://comshalom.org/events/workshop-de-comunicacao-com-gabriel-vaz/

Gabriel Vaz, coordena a Comunicação Shalom em Brasília e é criador do curso Como Evangelizar na WEB ajuda pessoas no país inteiro a evangelização com mais estratégia de frases religiosas por WhatsApp, Facebook, Youtube, Instagram e claro: pessoalmente

Baixe essa imagem use o link http://bit.ly/comunicacao-saopaulo e convide seus amigos pelo WhatsApp

Quem é Gabriel Vaz

Sou autor deste Blog, sou Consagrado na Aliança no Shalom de Brasília coordeno a Comunicação da missão desde maio de 2015. Criador do Celeiro de Comunicação e do Curso Como Evangelizar na Web publico vídeos semanais sobre evangelização pelas mídias sociais no seu Canal do Youtube.

➜ Curtir no Facebook: facebook.com/Página-Gabriel-Vaz
➜ Assinar canal do YouTube: youtube.com/vaztiGabriel
➜ Seguir no Instagram: instagram.com/gabriel.vaz.shalom
➜ Perfil no Facebook: facebook.com/gabriel1vazti

Fazer pré-inscrição no Workshop

Como esse já passou tenho outro convite pra você

Clique aqui para se inscrever no Lançamento desta quarta-feira, 10-maio, às 20h (horário de Brasília) e descubra Como Estruturar Sua Comunicação (ou PASCOM) de forma Exuta e Produtiva. Na verdade todo mês eu ministro uma aula grátis. Inscreva-se para reservar sua vaga.

Abaixo tem os links das minhas mídias caso queira me seguir em outros meios.

Um forte abraço e até semana que vem!! 😉

post

Coletiva de Imprensa: apresentação da Campanha Missionária 2016

campanha-missionaria

 As Pontifícias Obras Missionárias (POM), apresentam em coletiva de imprensa, no dia 19 de setembro, às 14h, os subsídios da Campanha Missionária 2016. Promovida anualmente, no mês de outubro, a Campanha tem o objetivo de chamar a atenção dos cristãos, para o seu compromisso com a Missão da Igreja em todo o mundo.

Participam da coletiva na sede das POM, em Brasília (DF), o bispo auxiliar de São Luís (MA) e presidente da Comissão Episcopal Pastoral para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial da CNBB,dom Esmeraldo Barreto de Farias; o diretor nacional das POM, padre Maurício da Silva Jardim; o secretário executivo do Conselho Indigenista Missionário (Cimi), Cleber César Buzatto.

Cuidar da Casa Comum é nossa missão”. Este é o tema escolhido para a Campanha Missionária em 2016. O lema é extraído da narrativa da criação no livro do Gênesis: “Deus viu que tudo era muito bom” (Gn 1, 31). O projeto do Criador é maravilhoso, mas encontra-se ameaçado! A preocupação pela ecologia parte de dois gritos: o grito dos pobres que mais sofrem, e o grito da Terra que geme pela exploração. A temática retoma a Campanha da Fraternidade Ecumênica deste ano e amplia a missão de cuidar da vida em todo o planeta.

Responsável por organizar, todos os anos, a Campanha Missionária, as POM já enviaram os subsídios às 276 dioceses e prelazias do Brasil para serem distribuídos entre as paróquias e comunidades. Os materiais também podem ser baixados e multiplicados livremente por meio do site www.pom.org.br

Neste ano, os subsídios são compostos por: cartaz com o tema e o lema; livrinho da Novena Missionária; DVD com testemunhos missionários; mensagem do papa Francisco para o Dia Mundial das Missões; orações dos fiéis para os quatro domingos de outubro; envelopes para a coleta do Dia Mundial das Missões; seis versões de marcadores de página.

Baixe aqui todos os materiais da Campanha Missionária 2016.

A Campanha Missionária tem o seu ponto alto no Dia Mundial das Missões, celebrado no penúltimo domingo do mês de outubro (este ano, dia 23) quando é feita a coleta.

A CNBB colabora com a Campanha por meio das Comissões para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial e para a Amazônia, além de outros organismos que compõem o Conselho Missionário Nacional (Comina).

Por Assessoria de imprensa das Pontifícias Obras Missionárias

post

Congresso online vai discutir realidades do matrimônio católico

Refletir sobre a santificação das famílias e propor discussões sobre as diversas realidades que desafiam o matrimônio cristão é o objetivo do 1º Congresso Nacional Online sobre Matrimônio Católico, que acontece de 14 a 20 de novembro. A inscrição para o evento é totalmente gratuita e as palestras poderão ser acessadas tanto em computadores como celulares.

“Nosso sonho é acordar as famílias católicas e mostrar-lhes que é possível, sim, matrimônios mais felizes e realizados. Em poucas palavras: sonhamos com famílias mais santas! Esse é o objetivo maior do congresso, nosso maior interesse e o espírito que nos move”, destacam os organizadores no site do evento.

matrimonio_1

O congresso reunirá peritos sobre temas de vida e família como o apresentador e escritor católico professor Felipe Aquino; o presidente do Observatório Interamericano de Biopolítica, professor Felipe Nery e o blogger Carmadélio Souza da Comunidade Shalom. O evento também contará com a participação do Cardeal Arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta que falará sobre “A inserção da nova família na grande família da Igreja”, e dos seguintes prelados: o Bispo Auxiliar do Rio de Janeiro, Dom Antonio Augusto; o Bispo diocese de Palmares (PE), Dom Enrique Soares; e Dom Antonio Carlos Keller, bispo da Diocese de Frederico Westphalen no Rio Grande do Sul.

O evento é organizado por dois leigos da Arquidiocese de Niterói, no Rio de Janeiro, Robson Oliveira e Wallace Barbosa. Ao todo, o evento vai disponibilizar 49 palestras online.

“Proporcionaremos formação de qualidade para os participantes a fim de que tenham oportunidade de prepararem-se melhor para a vocação matrimonial e para reconstruir o seu matrimônio. Acreditamos levar a transformação para a vida pessoal de cada jovem que esteja discernindo a vocação matrimonial, de cada cônjuge, de cada família católica, com conteúdo de qualidade e de forma prática em nosso Congresso”, destaca nota.

Fonte: Informações com site do evento/http://inscricao.congressomatrimonio.com.br/

post

Na PasCom, evangelizadores com espírito

“Como sabemos, era missão dos bispos da Igreja eleger um Bispo para Roma, mas eles trouxeram alguém lá do fim do mundo, mas, eis-me aqui! Do fim do mundo para a Igreja de Roma, rezem incessantemente por mim, de cabeça reclinada e no silêncio, rezem comigo: Pai Nosso, que estais no céu…”

Desde a eleição do papa Francisco – 13 de março de 2013 – parece que os fieis de nossas comunidades reacenderam uma “chama diferente” em suas vidas. Como se um tempo de graça, um kairos tivesse iniciado em nossa Igreja. O carisma e a alegria do nosso pastor é o que mais nos motiva e fortalece-nos para enfrentar os desafios cotidianos, encarar com pulso firme e coragem as injustiças que tentam nos paralisar e nos matar.

Indubitavelmente, é Francisco, não simplesmente um nome; não simplesmente o nome de um papa; é Francisco, um modelo de Igreja, um projeto de Vida, um jeito novo de evangelizar. Mais do que nos inspirar, papa Francisco nos convida a um novo jeito de pensar: “a Alegria do Evangelho enche o coração e a vida inteira daqueles que se encontram com Jesus […], convido-os para uma nova etapa evangelizadora marcada por esta Alegria e indicar caminhos para o percurso da Igreja nos próximos anos” [EG, 1].

E o convite do papa é claro e deve nos inquietar. Esta Alegria deve nos contagiar, encher o nosso coração, encharcar a nossa missão. Deve, esta Alegria, tornar-se comunicação de paz, de justiça, de espírito missionário, de oração e de Fé. Primeiramente, esta alegria deve ser marcada pela Fé. Alimentar o nosso espírito com essa Fé, é tornar prática do próprio cotidiano a oração, a adoração, a contemplação, a leitura orante da Bíblia, o trabalho pastoral.

O que o papa propõe a todos nós, leigos e leigas, batizados, discípulos missionários é algo muito simples, e, não é nenhuma novidade para nós: é evangelizar com espírito de Alegria, e, isso significa nos alimentar da oração cotidiana para que o trabalho pastoral não se torne vazia e estéril.

Uma Pastoral da Comunicação [PasCom] estéril é aquela que não comunica a alegria, mas comunica, de maneira privada e selecionada, exclusiva, o que é interesse pessoal e não paroquial. Na paróquia, a verdadeira PasCom não deve aparecer. Seu serviço não aparece, mas ele está lá na paróquia, na comunidade, se foi bem feito os resultados, todos irão compartilhar e usufruir, sinal de evangelizadores com espírito; mas, se for mal feito, as igrejas poderão se esvaziar, porque não teve espírito, não teve alegria, não foi feito por amor. A comunicação que dá frutos é aquela que não precisa aparecer, é aquela que não deve aparecer.

Centrada no Evangelho, a PasCom insere a paróquia num ambiente que não pode ser novidade mais para nós: o mundo digital, as Redes Sociais e os portais da Internet. E, neste mundo a Igreja pode evangelizar ainda com mais força, encontrar pessoas que precisam de direção na vida, fieis que não encontram mais sentido pra viver, e, “se consigo ajudar uma só pessoa a viver melhor, isso já justifica o dom da minha vida. É maravilhoso ser povo fiel de Deus. E ganhamos plenitude, quando derrubamos os muros e o coração se enche de rostos e de nomes” [EG, 274]. Não desperdice seus dons. Todo batizado é um agente de comunicação, ou deveria ser. Todos são responsáveis em comunicar a mensagem do Evangelho. Não desperdice palavras, não desperdice mensagens, não desperdice tempo. “Não há motivo para alguém poder pensar que este convite não lhe diz respeito, já que ‘da alegria trazida pelo Senhor ninguém é excluído’” [EG, 3].

O mundo digital não pode estar indiferente a nós cristãos. Nos projetos paroquiais e pastorais deve estar a preocupação em evangelizar neste campo, onde “seres humanos habitam”. Grupos privados, páginas particulares no Facebook, por exemplo, não deve ser atitudes pastorais de paróquias. Isso não é PasCom. Grupos fechados são reflexos de pastorais fechadas e doentes, atrasadas no tempo. É por isso que se chama “comunicação”, é junto, é “Com”. Devemos ser comunidades abertas e o que fazemos nas Redes Sociais são reflexos do nosso dia a dia, porque não temos dupla identidade, ou seja, não temos dois perfis: um no digital e outro no social, mas somos uma só pessoa e o social é, também digital. Se sou fechado nas Redes Sociais, também sou fechado nas minhas relações do dia a dia.

Devemos arriscar! Fica o apelo. Precisamos ser Igrejas abertas às relações. Nossas pastorais não podem estar fechadas em si mesmas, frias, estéreis, sem gerar vida e sem mudança. Precisamos de lideranças evangelizadores com espírito: espírito de Alegria. Que a nossa comunicação possa, de fato, ser instrumento de evangelização para os fieis de nossas comunidades. Que a PasCom seja instrumento de conversão e caminho de encontro. Que a evangelização da PasCom proporcione aos fieis possibilidades de um verdadeiro encontro com Jesus Cristo. Não nos tornamos cristãos com espírito “ por uma decisão ética ou uma grande ideia”. Tornamo-nos cristãos com espírito “através do encontro com um acontecimento, com uma Pessoa que dá à vida um novo horizonte e, desta forma, o rumo decisivo” [EG, 7]. E este encontro tudo transforma.

É o encontro do homem com Deus. É este encontro com o amor de Deus que nos “converte em amizade feliz”, encontro “que nos resgatados da nossa consciência isolada e da autorreferencialidade”. “Aqui está a fonte da ação evangelizadora. Porque, se alguém acolheu este amor que lhe devolve o sentido da vida, como é que pode conter o desejo de o comunicar aos outros?” [EG, 8] Acredito que é essa a “chama diferente” que Francisco reacendeu em nós.

post

Santuário Nacional de Aparecida lança revista católica para jovens

Agora, além de estar na internet, o Jovens de Maria também é uma revista especial para a juventude católica que quer ficar ligada em tudo o que rola no mundo jovem. O cadastro já está aberto para quem desejar ter em mãos um conteúdo exclusivo da Casa da Mãe.

Revista Jovens de Maria fala diretamente com uma juventude conectada, que estuda, trabalha, quer diversão, busca seus sonhos, mas não deixa de lado a religião e, claro, sua devoção à Nossa Senhora.

jovens_de_maria_na_romaria_campanha_dos_devotos_18Imagem Ilustrativa

Suas editorias contam com temáticas relacionadas à Ciência, Comportamento, Educação, Entretenimento, Tecnologia, Sociedade, Fé e Igreja. Além de contar com artigos dos padres do Santuário Nacional, especialmente voltados para a juventude.

Para receber a publicação, não é necessário fazer assinatura. Mas, ao contrário disso, a Revista Jovens de Maria é um presente que o Santuário Nacional dá para os colaboradores que ajudam a manter a Casa da Mãe, suas obras sociais e de evangelização.

Receba a Revista Jovens de Maria
Receber a Revista JM em casa é fácil. Basta fazer seu cadastro online, que você receberá uma edição da publicação em sua casa, juntamente com um boleto. A partir de sua primeira doação, que pode ser de qualquer valor, você passa a receber mensalmente a Revista Jovens de Maria.

Cadastre-se aqui para receber a Revista Jovens de Maria

Jovens de Maria, 15 de Setembro de 2016 às 11h32.

http://www.a12.com/

post

Comunicadores reunidos no Rio para o III Seminário de Comunicação

O arcebispo da Arquidiocese de São Sebastião do Rio de Janeiro, Cardeal Orani João Tempesta (foto), abriu oficialmente na noite desta terça-feira, 13, o III Seminário de Comunicação, na Cidade Maravilhosa.

site_cnbb

Em 2011 o então Arcebispo de Buenos Aires, Cardeal Bergoglio, já sustentava a expressão de que “Deus vive na Cidade e a Igreja vive na cidade. A Missão – continua – não se opõe a buscar aprender da cidade – das suas culturas e das suas mudanças – enquanto nós saímos a pregar o Evangelho.” Papa Francisco elevou este tema ao nível da Igreja Universal. O argumento foi posto na ordem do dia, pois neste cenário universal e teológico, não se pode esquecer da cidade. Este é o primeiro desafio da comunicação da Igreja: como este pensamento pode ser traduzido na realidade do departamento de comunicação?

“Deus vive na Cidade: A ‘Igreja em saída ‘ para comunica-lo” , com este tema, sacerdotes, jornalistas, referenciais de comunicação nas dioceses, paróquias e conferencistas internacionais e nacionais estão reunidos no Rio de Janeiro para o III Seminário de Comunicação da arquidiocese do Rio de Janeiro. São esperados mais de 100 pessoas para o evento, de 13 a 16 de setembro, no Centro de Estudos do Sumaré no Rio de Janeiro, RJ.

Entre os palestrantes estão Mons Dario Viganò (Presidente da Secretaria de Comunicação da Santa Sé e Novo dicastério de comunicação do Vaticano), Prof. Jose Maria La Porte (Decano da Universidade de Comunicação da Universidade Santa Croce), Maylla Miranda  (Grupo CBYK e Google Brasil).

A cada ano, o evento conta com debates, palestras, exposições e conferências:  “A comunicação como elemento humanizador em um contexto urbano: elementos estratégicos para comunicar a fé”; “A comunicação da igreja em um contexto hostil: da comunicação de crise a comunicação ordinária”; “Da Ideia a comunicação: valores compartilhados e propostas especificas de fé”; “Igreja, comunicação e Sociedade”; “Da Bíblia a reescrita audiovisual”; “Secretaria para a Comunicação da Santa Sé: Estrutura e desafios com os novos fraiming sobre o Papa Francisco e a Igreja”; “A Influência digital na vida cotidiana: desafios e oportunidades”, fazem parte da programação, que pode ser conferida no site. http://arqrio.org/

O jornalista Renato Papis participa deste seminário e conversou com o padre Arnaldo Rodrigues da arquidiocese do Rio de Janeiro, sobre a expectativa deste evento.

De acordo com o padre Arnaldo o seminário será uma oportunidade de aprendizado, não somente de crescimento de novas técnicas, mas também como crescimento de entendimento, de missão e de evangelização, que temos como missionários neste campo da comunicação.

 

 Fonte, inclusive com áudio: http://www.cnbbsul1.org.br/comunicadores-reunidos-no-rio-para-o-iii-seminario-de-comunicacao/
post

Workshop Gratuíto WhatsApp: Como Atrair mais pessoas para o Seu Evento

Shalom, meu irmão evangelizador! Você quer atrair mais pessoas para os seus eventos usando o WhatsApp? Quer parar de ser ignorado pelos seus contatos? Quer Testemunhar o Amor de Deus na sua vida de forma atraente?

Então tenho uma ótima notícia pra você: tem treinamento gratuíto nesta quinta-feira, ao vivo, via internet, 0800 onde eu, Gabriel Vaz, vou te dar todo o passo-a-passo.

Clique aqui para se inscrever:

Para receber mais sobre esses temas no seu e-mail inscreva-se em http://bit.ly/ListaVIPConexaoViaEvangelho.

Como esse já passou tenho outro convite pra você

Clique aqui para se inscrever no Lançamento desta quarta-feira, 10-maio, às 20h (horário de Brasília) e descubra Como Estruturar Sua Comunicação (ou PASCOM) de forma Exuta e Produtiva. Na verdade todo mês eu ministro uma aula grátis. Inscreva-se para reservar sua vaga.

Abaixo tem os links das minhas mídias caso queira me seguir em outros meios.

Um forte abraço e até semana que vem!! 😉

Read More

post

“Para uma Sociedade em Crise: Uma Educação em Valores”

As inscrições para o 1º e 5º módulo do programa “Para uma Sociedade em Crise: Uma Educação em Valores” seguem até o dia 13 de Setembro.

Ainda estão abertas as inscrições para o 1º.  e   5º módulos do programa  “Para uma Sociedade em Crise: Uma Educação em Valores”,  promovido pelo Setor de Ensino Religioso da Arquidiocese de São Paulo em parceria coma Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção, da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP). O curso é gratuito e as vagas são limitadas.

Objetivo específico: Preparar educadores que promovam no mundo da educação, a partir da realidade concreta dos jovens e adolescentes, um maior compromisso e um assumir consciente de atitudes favoráveis ao bem comum.

A quem se destina: Educadores: professores, diretores, coordenadores, mediadores de conflitos, agentes de pastoral, pais e todos que desejam colaborar com uma escola onde prevaleçam valores de convivência e partilha.

Módulo I

Ética: Introdução à Ética

Sociologia: Questões de fronteira

Módulo V

Pedagogia: Construção do sujeito em tempos difíceis.

Sociologia: Transformar transformando-se

Carga horária: 36 horas

Período: 2º Semestre de 2016    Início: 14/09/2016

Dia e horário: 4ª feiras – 19h às 22h

Local: PUC-SP – Campus Santana (Rua Voluntários da Pátria,165, Santana – entre as estações Santana e Carandiru do Metrô)

A ficha de inscrição deve conter o módulo, nome, profissão, formação, telefone e email. Encaminhar a Ficha até 13 de setembro para um dos e-mails:

frankumagai@ig.com.br

borges.clodoveu@gmail.com

wilmarosal3@gmail.com    

Informações: (11) 99930-6476

Coordenação: Cônego Prof. Ms José Bizon

Assesssoria:  Prof. Ms Wilma Rosa Canonaco

Publicado em: 12/09/2016 – 15:45
Créditos: Redação

http://www.arquisp.org.br/

post

Setembro Amarelo: qual o papel do cristão?

Estamos vendo pelas redes sociais várias campanhas referentes ao “Setembro amarelo”. Muitas pessoas ainda não sabem o que isto está significando, apesar de ser algo muito importante para todos nós. Tendo em vista o crescente número de suicídios em nosso país, comunidades terapêuticas resolveram entrar na onda dos meses coloridos para dedicar o setembro à cor amarela e à prevenção de mais casos em que pessoas perdem o sentido de suas vidas e acabam por se matarem.

:: DoLadoDeCá: Depressão e Suicídio ::

setembro_amarelo

Este é o tipo de notícia que não se encontra nos meios de comunicação jornalísticos, e isto se deve por uma questão ética acerca do assunto. Pessoas se suicidando não entram em páginas de jornais e nem mesmo em programas de TV. Mas sabemos bem que esta é uma realidade extremamente latente em nossa sociedade, tendo em vista que o Brasil está no ranking dos dez países do mundo com mais casos de suicídio.

O setembro amarelo vem para reforçar cada vez mais a valorização da vida! A depressão, o mal do século, vem atingindo muitas pessoas, por diversas causas sociais e isto pode gerar sérios problemas para o indivíduo. É preciso que haja uma forte corrente, um mutirão de apoio a pessoas que se encontram neste estado psicológico e espiritual.

Depressão é doença espiritual?
Sim, a depressão é também uma doença espiritual, apesar de muitas pessoas quererem ignorar este fato. Temos, como cristãos, uma grande missão dentro desta realidade. Nós, que compreendemos a vida como dom de Deus, que só o próprio Criador pode conceder e tirar de nós esta dádiva, precisamos lutar contra esta cultura de morte que se implanta hoje em nosso meio, para que cada pessoa consiga enxergar o sentido de sua vida e não a desperdice.

 A fé faz exatamente esta função de iluminar aquilo que está obscurecido ao nosso redor.

O psiquiatra austríaco Viktor Frankl escreveu obras acerca do sentido da vida e ele frisa muito bem que nunca perdemos o sentido, nós apenas, por vezes, não o enxergamos. Talvez precisemos, em nossa missão com os irmãos, levar a luz da fé para aquelas pessoas que não estão conseguindo enxergar bem a sua frente o sentido de suas vidas. A fé faz exatamente esta função de iluminar aquilo que está obscurecido ao nosso redor. Muitos, por falta de fé, acabam por deixar a escuridão da depressão tomar conta do seu ser.

Vamos nos comprometer com esta luz amarela que se acende neste mês e que deverá perdurar todos os dias. Não se esqueça de sempre observar ao seu redor os irmãos que convivem com você, às vezes, eles podem precisar de ajuda. Ofereça abraços, ombros, ouvidos e coração! Seja um propagador da vida! Faça com que as pessoas optem pela vida, assim como Deus quer que façamos. Que esta realidade obscurecida pela tristeza seja mudada pela luz da fé, do amor e da alegria.

everton lucas

Everton Lucas, 12 de Setembro de 2016 às 14h29.

http://www.a12.com/